Alcachofra

A alcachofra é uma planta medicinal que pode atingir cerca de um metro e meio de altura e apresenta uma variedade de nutrientes de grande valor para o organismo.

Benefícios, Propriedades Medicinais e Indicações Terapêuticas da Alcachofra

Os nutrientes que se podem destacar da alcachofra são a cinarina, cinaropirina, groseima, ácido cafeico, ácido clorogénico, potássio, magnésio, flavonoides, taninos, vitamina A e C, mucilagens e enzimas.

A alcachofra é bastante utilizada na fitoterapia, uma vez que reduz a glicemia e o colesterol no sangue. O seu consumo é aconselhado sobretudo a pessoas com o colesterol alto e com problemas de aterosclerose.

Estudos também revelaram que o consumo de alcachofra faz reduzir a ureia do sangue, é depurativa, ajuda a tratar da vesícula, náuseas, a baixar os nível de colesterol e a tratar de indigestão abdominal.

A alcachofra é considerada uma iguaria exótica e em cada 100 gramas comestíveis desta planta, existem grandes quantidades de vitaminas do complexo B, potássio, cálcio, fósforo, iodo, sódio, magnésio e ferro que são essenciais e muito importantes para um bom funcionamento do organismo.

Esta planta apresenta um sabor amargo, estimula secreções digestivas e a água com que coze a alcachofra pode muito bem transformar num chá com um grande efeito diurético (emagrece). Estimula também a vesícula biliar e ativa mais facilmente a digestão.

Ajuda também a controlar os níveis de açúcar no sangue, o que aumenta ainda mais a importância para pessoas que sejam diabéticas. A cinarina e os flavonoides que possui, são verdadeiros antioxidantes que previnem danos às células do fígado e protegem o organismo contra os prejuízos das moléculas instáveis de oxigénio e que se designam por radicais livres.

A alcachofra é uma planta bastante apreciada sobretudo na Itália e o segredo da sua preparação consiste em partir o pé para romper as fibras e retirar parte das folhas e o feno existente no seu interior.

Esta maravilhosa erva medicinal ajuda a melhorar as funções do fígado e é considerado por muitos como um remédio natural para problemas hepáticos e para os diabéticos. Combate também o excesso de gordura no sangue e combate anemias e raquitismo, graças à grande quantidade de ferro e vitamina C.

É recomendado o seu consumo no próprio dia que a compra e logo após o cozimento para que não perca as propriedades medicinais e nutricionais.

A alcachofra é indicada sobretudo para problemas de anemia, arteriosclerose, doenças associadas ao coração, febres, fraqueza, gota, tosses e problemas urinários. Pode ser consumida de diversas formas, nomeadamente, em salada, chá, cápsulas ou de forma pura.

Se optar por fazer chá de alcachofra deve ferver cada litro de água com duas colheres de folha de alcachofra, deixar arrefecer um pouco e tomar uma chávena após as refeições principais. Para obter melhores resultados deve preparar o chá e beber logo de seguida.

Contra Indicações

Vários estudos indicam que a alcachofra na maioria dos casos não apresenta efeitos secundários, tendo ocorrido situações de flatulência e problemas gastrintestinais ligeiros em raríssimas situações. Mas se sofrer de algumas doenças, o mais indicado será consultar o seu médico primeiro para desfazer qualquer dúvida que possa existir.

Categories: Plantas Medicinais

Deixar uma resposta